4 dicas para lidar com Auditorias de Software


Você já deve ter ouvido falar das temidas auditorias de software da Microsoft, mas saberia lidar caso acontecesse com a sua empresa?


Com a grande dependência, das empresas, na utilização diária de softwares, é fácil perder o controle em relação ao seu uso correto o que poderá resultar em uma notificação.


Em algum momento a sua empresa poderá receber uma carta/email do fabricante de software, requerindo as licenças de conformidade, então, nada melhor que estar preparado, pois em momentos como esse, você agradecerá por ter investido na prevenção ao invés de ter apostado na sorte!


Dessa forma, resolvi trazer mais conhecimento sobre todo o processo de revisão de conformidade que a Microsoft ou outros fabricantes, podem vir a aplicar no seu ambiente de TI, e darei 4 dicas para que a sua empresa esteja preparada:


1) Integridade é tudo


Nem pense em mentir durante o processo de auditoria!


Ao acompanhar algumas revisões de conformidade, já vi empresas serem prejudicadas por tentar esconder ou alterar informações. Então, para deixar claro: ser sincero é a melhor alternativa! Dessa forma, acordos poderão ser alcançados mais facilmente, se a empresa seguir exatamente o que for solicitado.


O foco do fabricante é sempre que a empresa se regularize, então nada melhor do que encarar o pesadelo da auditoria como algo bom para a sua infraestrutura de TI.


2) Nuvem = redução de custos


Cloud computing pode ajudar a sua empresa a reduzir custos… Como?É simples!


Caso você precise licenciar muitos produtos, procure alternativas ao migrar para produtos semelhantes mas que funcionem através da Nuvem, trocando investimentos gigantescos pela contratação de um serviço com valor mais baixo.


Porém, vale lembrar: não tente enganar a Microsoft, pois o fabricante sempre auditará se você realmente consume o que comprou, e caso detecte algo incomum poderá reverter o processo e exigir a compra das licenças.


3) Prazos e acessibilidade


Sempre esteja disponível para o fabricante! Lembre-se: quem está passando por um processo de revisão é a sua empresa, e mostrando-se disponível você passará a imagem de quem quer resolver a situação o mais rápido possível!


Além disso, tenha em mente todos os prazos de entrega!


É muito importante que a empresa entregue os documentos nos prazos acordados com a Microsoft, e caso durante a coleta você entenda que é impossível cumprir com o objetivo, informe o operador do processo o mais rápido possível, mantendo a transparência durante a revisão.


4) Confie em quem já sabe!


A revisão de conformidade assim como, posteriormente, o licenciamento, podem ser processos complexos e exaustivos!


Dessa forma, para que você se sinta completamente seguro em todos os passos, opte por confiar em quem já trabalha com isso e una-se com um parceiro!


Ao trabalhar com um parceiro, você garante vários benefícios como conhecimento profundo em auditorias e licenciamento, know how das negociações no processo de regularização e uma maior flexibilidade da própria Microsoft quando há envolvimento de terceiros.


A Bluepartner já é autoridade quanto o assunto é auditoria e licenciamento. Falando nele, você sabia que é possível se tornar parceiro Microsoft sem pagar por uma licença? Isso mesmo… Parceiros Bluepartner contam com uma gama de benefícios além desse!


Quer nos conhecer melhor e ver como podemos ajudar a sua empresa?


Agende agora a nossa consultoria gratuita, focada no que você mais precisa!

Espero pelo seu contato!

Um abraço,

Blue

#processoderevisãodeconformidade #bluepartner #auditoria #parceiria #microsoft

Posts Em Destaque
Posts Recentes